Notas

01 de agosto de 2018

NOTA DE REPÚDIO AO AFASTAMENTO ARBITRÁRIO DOS AGENTES DE ITABUNA/BA DE SUAS FUNÇÕES

Em solidariedade aos Agentes de Trânsito de Itabuna/BA, a Associação Nacional dos Agentes de Trânsito do Brasil (AGT Brasil) vem a público manifestar seu repúdio à atitude arbitrária do atual Secretário de Segurança Pública, Transporte e Trânsito daquele município, Sr. Gilberto Santana, de ter afastado de suas funções sete agentes apenas pelo fato dos mesmos terem reclamado o direito legal de receberem seus salários atrasados. Considera-se tal atitude inumana, descabida e desrespeitosa com o trabalhador que já prestou os serviços e com suas famílias que, para sobrevivência, dependem do fruto do árduo trabalho.

Foram afastados de suas funções sete Agentes de Trânsito, cada qual com mais de dez anos de serviço público prestado e que jamais haviam sofrido qualquer tipo de sanção disciplinar porque exercem com regularidade e disciplina suas atribuições. Eles foram à sede da Prefeitura Municipal de Itabuna/BA solicitar respostas ao Secretário de Finanças pelo atraso de onze dias de seus proventos. Sentindo-se “indignado” com a cobrança resolveu então o Coronel Gilberto afastar esses servidores, como se para ele os mesmos devessem ficar sem pão e calados. Os agentes procuraram o Ministério Público do Trabalho (MPT) que já atestou o ato ilegal do referido Secretário.

O bom gestor busca recompensar seus agentes ao lhe garantir o direito a receber seu salário nas condições determinada por lei. Se não honra ao cumprir seu dever, não pode açoitar o servidor como se fosse seu escravo. A AGT Brasil reitera seu sentimento de repúdio e reprovação à atitude deste senhor e do prefeito local por comungar com atitude de seu nomeado.

 

Diretoria AGT Brasil

Comentários