Notícias

10 de março de 2018

AGT Brasil defende inserção dos Agentes de Trânsito no SUSP

Por Junia Ferreira / Antonio Coelho

No Congresso Nacional Brasileiro o presidente do Senado Eunício Oliveira (PMDB-CE), divulgou à imprensa que foi proposto para apreciação, em regime de urgência, o projeto de lei que cria o Sistema Único de Segurança Pública (SUSP). A previsão é de que o mesmo tenha votação concluída na Câmara e no Senado nos próximos.  A primeira versão do citado projeto também foi entregue a Raul Jungmann, atual ministro da Segurança Pública,.

A Associação Nacional dos Agentes de Trânsito (AGT Brasil) considera que não pode ficar de fora desse processo de integração e defende a inclusão da segurança viária e dos agentes de trânsito no projeto do SUSP. Para tanto, nesta semana, por meio de seus representantes Márcio Bessa, Julio Fleury, Thiago Souza, Valeriano e Jonatan, apresentou ao Congresso Nacional minuta de emenda defendendo a inclusão da categoria no mesmo, da mesma forma como fez de 2011 a 2014, quando conseguiu a aprovação da Emenda Constitucional 82/2014, consolidando a classe dos agentes de trânsito no capítulo da Constituição Federal que trata da segurança pública e dos entes a ela pertencentes.

A AGT Brasil também tem se dedicado com constância ao acompanhamento e aos trâmites necessários para manter os projetos e a categoria dos agentes de trânsito dentro dos debates do parlamento brasileiro, pois são muitos os anseios e as batalhas a serem travadas para a consecução de benefícios e reconhecimentos justos para aqueles que se dedicam a salvar vidas no trânsito brasileiro.


Comentários